De bate-pronto, você saberia dizer quais são as suas habilidades profissionais?

Pode ser que você precise de alguns minutos para elaborar a resposta, mas, certamente, poderá reconhecer as suas principais competências no trabalho.

Da mesma forma, com um pouco de reflexão, é possível identificar as capacidades que faltam no dia a dia, sobretudo no mundo dos negócios.

Descobrir as suas vulnerabilidades também é fundamental para que você possa corrigi-las, sabia?

Ou você achava que não conseguiria evoluir e desenvolver-se?

Neste artigo, você vai ficar por dentro das competências mais buscadas no mercado de trabalho e aprenderá como adquirir novas habilidades profissionais.

Acompanhe!

O que é uma habilidade profissional?

habilidades profissionais o que e uma

As habilidades profissionais são competências desejadas no ambiente de trabalho para que as atividades sejam realizadas da melhor forma possível em cada ocupação.

Muitas vezes, elas são inatas. Ou seja, nascem junto com o indivíduo. 

Mas, geralmente, elas são desenvolvidas e aprimoradas com estudos e a prática. 

Qual o significado de habilidades?

habilidades profissionais para que serve uma

Habilidades são características de um indivíduo hábil. Ou, em outras palavras, são aptidões. 

Quando alguém é capaz de realizar uma tarefa bem feita, dizemos que essa pessoa é habilidosa.

Esse adjetivo, por sua vez, remete a outras qualidades, como inteligência, agilidade e destreza.

As habilidades podem ser assim classificadas:

  • Cognitivas: relacionadas à capacidade de aprendizagem
  • Motoras: relacionadas à capacidade de realizar movimentos com precisão
  • Sociais: relacionadas à capacidade de interagir e se relacionar com outras pessoas
  • Profissionais: relacionadas à capacidade de executar tarefas do trabalho.

Para que serve uma habilidade profissional?

A habilidade profissional é fundamental para que um indivíduo realize uma tarefa no trabalho com excelência.

Dessa forma, é indispensável para uma carreira bem-sucedida

Afinal, o profissional que agrega habilidades, evidentemente, tem mais chances no mercado de trabalho.

Além disso, a habilidade profissional é necessária para que haja produtividade e para que os resultados sejam obtidos.

Quer ver um exemplo?

Imagine uma pessoa que não tem noções de corte e costura. Ela dificilmente conseguirá confeccionar um vestido perfeito, certo?

Por outro lado, se aprendeu a utilizar a máquina de costura e já produziu algumas peças, é bem provável que seja capaz de fazer um lindo vestido, inclusive em pouco tempo.

As habilidades profissionais, portanto, podem ser específicas a uma determinada área ou função, como no caso acima, ou comuns à maioria das profissões.

Quais são as principais competências profissionais?

habilidades profissionais quais sao principais

Há uma série de competências profissionais. 

Como vimos, algumas delas são mais específicas e seguem de acordo com o ramo de trabalho. 

Outras, por sua vez, são mais genéricas e fazem parte de diferentes ocupações e setores.

Vamos conhecer quais são elas?

Tipos de habilidades profissionais

Existem duas formas de classificar as habilidades profissionais: 

  • Técnicas: que dizem respeito ao domínio de métodos e procedimentos
  • Comportamentais: que estão ligadas à forma como o indivíduo se porta e conduz ações. 

As habilidades técnicas são mais fáceis de serem desenvolvidas. 

Elas podem ser aprendidas a partir de capacitações. 

Os cursos técnicos, por exemplo, são voltados especialmente para o aprimoramento desse tipo de competência.

Já as habilidades comportamentais exigem outro tipo de empenho para que sejam aperfeiçoadas. 

Isso se deve ao fato de que elas estão mais conectadas a aspectos emocionais, a hábitos e à própria cultura do indivíduo.

É o caso da liderança, por exemplo.

Essa competência profissional, muito requisitada pelo mercado de trabalho, demanda serenidade, equilíbrio e controle dos impulsos. 

Quais as habilidades mais exigidas no mercado de trabalho atual?

De acordo com a Robert Half, líder mundial em recrutamento, as cinco habilidades mais valorizadas no mercado nos dias de hoje são:

  • Comunicação: refere-se à capacidade do profissional de transmitir as ideias com clareza, de modo que as mensagens sejam compreendidas sem ruídos ou desentendimentos
  • Trabalho em equipe: trata-se do espírito colaborativo, responsável por conduzir tarefas em conjunto. É uma habilidade que exige uma série de aspectos como respeito, paciência e atenção
  • Resiliência: o profissional que tem essa competência é capaz de lidar com as situações adversas sem deixar que elas atrapalhem outros fatores ou causem desmotivação. É a habilidade conhecida por quem consegue superar problemas e dar a volta por cima
  • Comprometimento: dedicar-se ao trabalho e às atividades de maneira responsável é uma forma de comprometimento. As empresas procuram por profissionais proativos e que gostem de desafios
  • Intraempreendedorismo: essa habilidade tem relação com o famoso “senso de dono”. É a capacidade de agir como se fosse responsável pelo negócio em que atua.

Lista das 25 principais habilidades profissionais por área

habilidades profissionais lista das 25 principais por area

O LinkedIn, maior rede social corporativa do mundo, realizou um estudo de palavras-chave para identificar as habilidades mais buscadas pelos recrutamentos.

O levantamento concluiu que as 25 principais competências no mundo dos negócios são:

  1. Análise estatística e mineração de dados
  2. Desenvolvimento mobile
  3. Segurança de qualidade de software e teste de usabilidade
  4. Logística
  5. Arquitetura da web e frameworks de desenvolvimento
  6. Middleware e softwares de integração
  7. Engenharia e armazenamento de dados
  8. Segurança da informação
  9. Recursos humanos (benefícios e compensações)
  10. Direito empresarial e governança
  11. Segurança do trabalho
  12. Design de interfaces
  13. Desenvolvimento de aplicativos para Microsoft
  14. Business Intelligence
  15. Sistema de controle de revisão (SCR)
  16. Recrutamento
  17. Políticas públicas e relações internacionais
  18. Engenharia de materiais
  19. Perl / python / ruby (linguagens de programação na web)
  20. Desenvolvimento em Java
  21. Desenvolvimento de negócios e gestão de relacionamento
  22. Marketing em mídias digitais
  23. Marketing digital
  24. Modelagem de software e design de processos
  25. Linguagens de shell scripting.

Deu pra perceber que grande parte dessa lista está concentrada na área de Tecnologia da Informação, não é mesmo?

Não dá para negar que a transformação digital tem mudado o jeito de fazer negócios. 

Por essa razão, as profissões ligadas ao mercado de tecnologia estão em ascensão.

Essa é a sua área? Você possui alguma dessas habilidades?

Se a sua intenção é desenvolver competências nesse segmento, vale apostar em qualificação profissional.

A PUC Paraná conta com diversos cursos a distância, como:

Como identificar minhas habilidades profissionais?

Algumas empresas realizam avaliações de desempenho periodicamente. 

Durante os procedimentos, é comum que os profissionais pratiquem o autoconhecimento e escutem a visão da equipe e do gestor a respeito do seu trabalho.

Isso, sem dúvidas, ajuda a identificar as habilidades profissionais.

Mas, se este não é o seu caso, saiba que é possível fazer de outras maneiras.

O processo requer autorreflexão e autoconhecimento.

É preciso olhar para dentro de si com a missão de identificar pontos positivos.

Você pode relembrar momentos em que suas capacidades foram elogiadas, por exemplo.

Ou, então, recapitular resultados que foram conquistados por conta do seu empenho e dedicação.

E, a partir daí, elencar quais foram as suas atitudes e competências naquela situação. 

Outra forma de identificar as habilidades profissionais é perguntando para seus líderes e colegas.

Peça a eles que digam quais são as suas principais qualificações no trabalho.

Como colocar as habilidades e qualificações no currículo?

habilidades profissionais como colocar qualificacaoes curriculo

Um bom currículo é composto de tópicos essenciais bem elaborados, como dados pessoais, objetivo profissional, formação acadêmica e experiências de trabalho.

Além dessas, você pode incluir um campo de habilidades para mencionar as suas principais competências. 

Mas, atenção: não use o espaço para destacar adjetivos soltos, como “flexibilidade” e “pontualidade”. 

É importante que essas habilidades venham juntas de complementos que, por sua vez, devem evidenciar resultados e experiências anteriores.

Veja um exemplo: “Ótimo relacionamento interpessoal, desenvolvido e aprimorado durante três anos de realização de projetos em equipe”.

Como desenvolver mais competências profissionais?

habilidades profissionais como desenvolver mais

Já mencionamos neste artigo que, para identificar habilidades profissionais, o processo de autoconhecimento é essencial.

Por isso, antes de qualquer coisa, procure refletir sobre as suas características, a fim de encontrar aspectos positivos e negativos.

Assim, é possível maximizar as qualidades e desenvolver as vulnerabilidades de maneira mais assertiva.

Procure começar, então, estabelecendo alguns objetivos e caminhos para alcançá-los. 

Se você pretende melhorar a sua comunicação, por exemplo, defina um plano de ações alinhado ao seu propósito.

Entre as medidas que podem ser adotadas, a capacitação é uma das principais.

Isso porque os cursos são excelentes ferramentas para adquirir novos conhecimentos e aprimorar competências.

Eles podem ser feitos presencialmente ou a distância

A segunda alternativa funciona muito bem para quem não tem tanto tempo livre e precisa de flexibilidade.

Na PUC Paraná, você encontra diversas formações para fazer de onde quiser e quando puder.

Conheça todos os cursos!

Conclusão

Então, enquanto lia este artigo, já conseguiu pensar em algumas habilidades profissionais que você possui e outras que faltam?

Bom, se ainda não deu tempo, não tem problema. Agora, é hora de refletir sobre o assunto.

Apenas entenda que a qualificação profissional é essencial para o sucesso no mercado de trabalho.

E, para reforçar essa ideia, aqui vai um dado relevante: 50% das indústrias que operam no Brasil afirmam ter dificuldades por falta de mão de obra qualificada.

Isso impacta, diretamente, em baixa produtividade e, consequentemente, causa problemas de competitividade.

Ou seja, trabalhadores com habilidades profissionais desenvolvidas têm mais chance de serem contratados. 

Se você quer ser um deles, com uma carreira promissora, invista em sua formação acadêmica.

Confira todos os cursos da PUC Paraná e estude na melhor universidade privada da região.

Gostou do artigo? Deixe a sua opinião nos comentários e compartilhe o conteúdo em suas redes sociais.

 

Inscreva-se no Blog do EAD PUCPR

blog ead pucpr
cursos empreendedorismo
O que você achou dessa publicação?
Deixe seu comentário aqui.